Iniciar sessão

MISSA QUINTA-FEIRA DÉCIMA SEMANA DO TEMPO COMUM 2015

Você pode instalar nossa extensão do ciclo litúrgico em seu site Blogger, Wordpress e Joomla.

A Igreja Católica Romana, de acordo com o general romano Calendário, comemora em Quinta-feira, 2015-06-11 o seguinte:

  • São Barnabé Apóstolo 2015:

    PRIMEIRA LEITURA DA MISSA

    Barnabé era um homem bom, cheio do Espírito Santo e de fé.

    Leitura dos Atos dos Apóstolos 11,21b-26;13,1-3

    Naqueles dias,
    11,21bMuitas pessoas acreditaram no Evangelho
    e se converteram ao Senhor.
    22A notícia chegou aos ouvidos da Igreja
    que estava em Jerusalém.
    Então enviaram Barnabé até Antioquia.
    23Quando Barnabé chegou
    e viu a graça que Deus havia concedido,
    ficou muito alegre e exortou a todos
    para que permanecessem fiéis ao Senhor,
    com firmeza de coração.
    24É que ele era um homem bom,
    cheio do Espírito Santo e de fé.
    E uma grande multidão aderiu ao Senhor.
    25Então Barnabé partiu para Tarso, à procura de Saulo.
    26Tendo encontrado Saulo, levou-o a Antioquia.
    Passaram um ano inteiro trabalhando juntos naquela Igreja,
    e instruíram uma numerosa multidão.
    Em Antioquia os discípulos foram, pela primeira vez,
    chamados com o nome de cristãos.
    13,1Na igreja de Antioquia, havia profetas e doutores.
    Eram eles: Barnabé, Simeão, chamado o Negro,
    Lúcio de Cirene, Manaém,
    que fora criado junto com Herodes, e Saulo.
    2Um dia, enquanto celebravam a liturgia,
    em honra do Senhor, e jejuavam,
    o Espírito Santo disse:
    "Separai para mim Barnabé e Saulo,
    a fim de fazerem o trabalho para o qual eu os chamei".
    3Então eles jejuaram e rezaram,
    impuseram as mãos sobre Barnabé e Saulo,
    e deixaram-nos partir.
    Palavra do Senhor.

    SALMO RESPONSORIAL

    Sl 97 (98),1. 2-3ab. 3cd-4. 5-6 (R. 2a)

    R. O Senhor fez conhecer seu poder salvadorperante as nações.
    1Cantai ao Senhor Deus um canto novo,*
    porque ele fez prodígios!
    Sua mão e o seu braço forte e santo*
    alcançaram-lhe a vitória.R.
    2O Senhor fez conhecer a salvação,*
    e às nações, sua justiça;
    3arecordou o seu amor sempre fiel*
    3bpela casa de Israel.R.
    3cOs confins do universo contemplaram*
    3da salvação do nosso Deus.
    4Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira,*
    alegrai-vos e exultai!R.
    5Cantai salmos ao Senhor ao som da harpa*
    e da cítara suave!
    6Aclamai, com os clarins e as trombetas,*
    ao Senhor, o nosso Rei!R.

    EVANGELHO DA MISSA

    De graça recebestes, de graça deveis dar!

    + Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 10,7-13

    Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
    7"Em vosso caminho, anunciai:
    `O Reino dos Céus está próximo'.
    8Curai os doentes, ressuscitai os mortos,
    purificai os leprosos, expulsai os demônios.
    De graça recebestes, de graça deveis dar!
    9Não leveis ouro nem prata
    nem dinheiro nos vossos cintos;
    10nem sacola para o caminho,
    nem duas túnicas nem sandálias nem bastão,
    porque o operário tem direito ao seu sustento.
    11Em qualquer cidade ou povoado onde entrardes,
    informai-vos para saber quem ali seja digno.
    Hospedai-vos com ele até a vossa partida.
    12Ao entrardes numa casa, saudai-a.
    13Se a casa for digna,
    desça sobre ela a vossa paz;
    se ela não for digna,
    volte para vós a vossa paz.
    Palavra da Salvação.

  • QUINTA-FEIRA DÉCIMA SEMANA DO TEMPO COMUM 2015:

    Tempo Comum.

    PRIMEIRA LEITURA DA MISSA

    Deus fez brilhar a sua luz em nossos corações, para tornar claro o conhecimento da sua glória.

    Leitura da Segunda Carta de São Paulo aos Coríntios 3,15-4,1.3-6

    Irmãos:
    15Até ao dia de hoje,
    quando os israelitas lêem os escritos de Moisés,
    um véu cobre o coração deles.
    16Mas, todas as vezes que o coração se converte ao Senhor,
    o véu é tirado.
    17Pois o Senhor é o Espírito,
    e onde está o Espírito do Senhor, aí está a liberdade.
    18Todos nós, porém, com o rosto descoberto,
    contemplamos e refletimos a glória do Senhor
    e assim somos transformados à sua imagem,
    pelo seu Espírito,
    com uma glória cada vez maior.
    4,1Não desanimamos no exercício deste ministério
    que recebemos da misericórdia divina.
    3E se o nosso evangelho está velado,
    é só para aqueles que perecem que ele está velado.
    4O deus deste mundo cegou a inteligência desses incrédulos,
    para que eles não vejam a luz esplendorosa
    do evangelho da glória de Cristo
    que é a imagem de Deus.
    5De fato, não nos pregamos a nós mesmos,
    pregamos a Jesus Cristo, o Senhor.
    Quanto a nós, apresentamo-nos como servos vossos,
    por causa de Jesus.
    6Com efeito, Deus que disse:
    'Do meio das trevas brilhe a luz',
    é o mesmo que fez brilhar a sua luz em nossos corações,
    para tornar claro o conhecimento da sua glória
    na face de Cristo.
    Palavra do Senhor.

    SALMO RESPONSORIAL

    Sl 84,9ab10. 11-12. 13-14 (R. Cf. 10b)

    R. A glória do Senhor habitará em nossa terra.
    9aQuero ouvir o que o Senhor irá falar:*
    é a paz que ele vai anunciar;
    9ba paz para o seu povo e seus amigos,*
    10Está perto a salvação dos que o temem,*
    e a glória habitará em nossa terra.R.
    11A verdade e o amor se encontrarão,*
    a justiça e a paz se abraçarão;
    12da terra brotará a fidelidade,*
    e a justiça olhará dos altos céus.R.
    13O Senhor nos dará tudo o que é bom,*
    e a nossa terra nos dará suas colheitas;
    14a justiça andará na sua frente*
    e a salvação há de seguir os passos seus.R.

    EVANGELHO DA MISSA

    Vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão.

    + Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 5,20-26

    Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
    20Se a vossa justiça não for maior
    que a justiça dos mestres da Lei e dos fariseus,
    vós não entrareis no Reino dos Céus.
    21Vósouvistes o que foi dito aos antigos:
    'Não matarás!
    Quem matar será condenado pelo tribunal'.
    22Eu, porém, vos digo:
    todo aquele que se encoleriza com seu irmão
    será réu em juízo;
    quem disser ao seu irmão: 'patife!'
    será condenado pelo tribunal;
    quem chamar o irmão de 'tolo'
    será condenado ao fogo do inferno.
    23Portanto, quando tu estiveres levando
    a tua oferta para o altar, e ali te lembrares
    que teu irmão tem alguma coisa contra ti,
    24deixa a tua oferta ali diante do altar,
    e vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão.
    Só então vai apresentar a tua oferta.
    25Procura reconciliar-te com teu adversário,
    enquanto caminha contigo para o tribunal.
    Senão o adversário te entregará ao juiz,
    o juiz te entregará ao oficial de justiça,
    e tu serás jogado na prisão.
    26Em verdade eu te digo: dali não sairás,
    enquanto não pagares o último centavo.
    Palavra da Salvação.

Conteúdo última actualização em 2012-01-10T00:00:00Z